16/02/2016

{Resenha} Livro - A Revolução dos Bichos de George Orwell



* O LIVRO:

Título: A Revolução dos Bichos. 
Título Original: Animal Farm: a Fairy Story
Autor: George Orwell.
Tradutor: Heitor Aquino Ferreira.
Editora: Companhia das Letras (São Paulo).
Ano: 2007 (Publicação original em 1945). 
Páginas: 152.
Idioma: Português. 
Idioma Original: Inglês.






RESUMO:
            A história de A Revolução dos Bichos, de George Orwell, se passa na Inglaterra, mais especificamente na “Granja do Solar”, propriedade do Sr. Jones, um homem truculento e mesquinho. Major, um velho porco da Granja, inicia todo o plano acerca da revolução após ter um sonho, no qual o mundo estaria livre dos humanos e os animais seriam todos iguais, convivendo harmoniosamente, cada qual desempenhando sua função e mantendo a vida em comunidade. Major reúne todos os animais da Granja do Solar e lhes conta seu sonho. Mas logo depois morre.
            Mesmo com a morte de Major, os animais cansados de serem explorados continuam pensando sobre a revolução. Então eles decidem instaurar o “Animalismo” apresentado por Major. A revolução foi liderada pelos porcos, principalmente Bola-de-Neve e Napoleão. Agora, com os humanos expulsos da Granja, a mesma passou a se chamar Granja dos Bichos, onde todos os animais trabalhavam e se alimentavam num sistema igualitário. Toda a administração ocorre de maneira bem organizada e planejada.
            Por um tempo tudo dá certo, os animais vão se adaptando, já não vivem em condições ruins. Até que Napoleão, um porco egoísta e autoritário, junto com seu amigo, também porco, Garganta traem Bola-de-Neve e o expulsam da Granja dos Bichos. Os porcos agora, se considerando superiores aos outros animais, comandam toda a Granja. Ambiciosos, sedentos por mais poder, usam todo seu poder de persuasão e passam a proferir discursos de que todas as suas decisões são tomadas para o benefício de todos mas, no desenrolar da história, vemos que não é bem assim.



CONSIDERAÇÕES:
            Talvez pode-se dizer que A Revolução dos Bichos seja uma fábula satírica sobre as relações de poder, trazendo uma série de metáforas que apontam o contexto histórico do período em que o livro foi publicado originalmente em 1945. Orwell faz, em seu livro, críticas intensas à ditadura stalinista, na busca de desconstruir o mito soviético a fim de reviver o movimento socialista.
            Para os que se interessam pela leitura e quiserem pesquisar previamente a Revolução Russa: ótimo! Mas para quem não quiser: ok também. Mesmo se tratando de um clássico, a linguagem é simples, de fácil compreensão e nada enfadonha. Até porque, mesmo se tratando de uma crítica a determinado período histórico e político, o texto se mostra um tanto atemporal.
            O que mais me “divertia” durante a leitura eram os personagens fictícios que lembravam claramente alguns personagens bem reais. Como por exemplo Major e Marx, Bola-de-Neve e Trotski, Napoleão e Stalin, os cavalos Sansão e Quitéria representando a classe proletária (que trabalha até a morte), o corvo Moisés que fala sobre um mundo para além dos céus e a religião. George Orwell não condena o socialismo, inclusive o defende. O que o autor critica é a forma como foi instaurado. Contudo, não é um livro como a maioria que apresenta no fim uma solução exata para o problema principal. Nem adianta esperar algo do tipo.

            Com certeza A Revolução dos Bichos fica entre minhas leituras favoritas. Um livro marcante, divertido e inteligente, com uma leve e, ainda assim, ácida ironia. Orwell foi extraordinário. Considero leitura da obra obrigatória pra todo mundo. E a quem for se aventurar: Boa leitura!

3 comentários:

  1. Olá Emanuelle, eu adorei seu comentário em um post meu com o cardápio da semana, vim retribuir a visita e conhecer seu blog. Eu nunca li este livro. Me interesso muito por política. Vou comprar. Adorei sua crítica <3 Um beijo!

    http://www.bipolaridadefeminina.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá! Para quem gosta de redes sociais e quer ganhar uns € extra a "blogar" inscrevam-se na Tsu! É só por convite! Deixo aqui o link para os interessados: https://www.tsu.co/Samgom
    Mais informação pela revista Forbes
    http://www.forbes.com/sites/paularmstrongtech/2016/02/08/everything-you-need-know-about-tsu-and-four-reasons-your-brand-should-be-using-it/#6376b36f2c47

    ResponderExcluir
  3. Engraçado que esse livro faz com que a gente se identifique em diversas situações. Já o li 2x e sempre termino com uma visão diferente rs

    ResponderExcluir